Suspeito de estuprar criança é espancado em Sete Lagoas e crime é descartado pela PM

Um homem de 30 anos foi espancado por moradores de Sete Lagoas, na região Central do Estado, na madrugada desta sexta-feira (18). A vítima era suspeita de estuprar uma criança no bairro Monte Castelo, mas a Polícia Militar descartou a motivação para a violência. 

De acordo com o boletim de ocorrência, quando os militares chegaram ao local, mais de 30 pessoas cercavam o homem, que foi agredido com chutes, socos e até um capacete de motocicleta. Ele então correu em direção aos policiais, que o colocaram dentro da viatura para evitar novos ataques. Durante a tentativa de linchamento até o carro da PM foi danificado pelos populares enfurecidos.

Ele foi levado para a delegacia, onde várias pessoas também o aguardavam na tentativa de continuar as agressões. Ele precisou de atendimento médico e foi encaminhado para o hospital da cidade com várias escoriações na cabeça e nos braços. 

O homem foi medicado e liberado e, em seguida, pediu proteção policial alegando que era morador de rua e não havia cometido nenhum estupro.

A PM constatou que ele estava dizendo a verdade e que não teria cometido o crime. Ele foi levado para o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (Caps), do bairro Jardim Europa. 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA